domingo, 11 de fevereiro de 2018

The Jessica Fletchers - What Happened To The?

Banda: The Jessica Fletchers
Disco: What Happened To The?
Ano: 2003
Gênero: Alternative Rock, Indie Rock, Neo-Psychedelia
Faixas:
1. Sick Of The Action (3:37)
2. Let's Go (2:48)
3. Beatbox (2:27)
4. Early Monday (3:53)
5. Nextyear (3:15)
6. Bloody Seventies Love (3:10)
7. Shoot (3:44)
8. I Got News (2:58)
9. (Come On) It's Only Nine (2:58)
10. Do You Know What She Hides? (4:39)
11. You Can Have Japan (2:54)
Músicas de autoria de Thomas Innstø, salvo "Sick Of The Action", composta por Thomas Innstø e Ivar Chr. Johansen, e "You Can Have Japan", composta por Rune Somdal.
Créditos:
Thomas Innstø: Vocals, Guitar, Percussion, Backing Vocals
Ivar Chr. Johansen: Organ, Piano, Percussion, Trumpet, Backing Vocals
Rune Somdal: Guitar, Percussion, Backing Vocals
Andreas Mastrup: Bass, Backing Vocals
Jan Henning Sørensen: Drums, Congas, Percussion
Vegard Syrstad: Organ, Rhodes & Backing Vocals  (faixas 5, 6, 9)
Erle Strøm: Backing Vocals (faixa 4)
Kjetil W. Einarsen: Flute (faixa 5)
Stian Grimstad: Sitar (faixas 5, 8)
Geir Edvard Sørensen: Trumpet (faixa 6)
Mr. Heartbrake: Cello (faixa 7)
Nina Grøttland: Backing Vocals (faixa 8)

Biografia:
A sonoridade indie pop extrovertida e efervescente da Jessica Fletchers, influenciada pelos grupos pop psicodélicos e adolescentes dos anos 60 (Monkees, Association), remete a Bicycles, Tullycraft e Apples In Stereo.
Originalmente constituído por Bjorn Rune Lie, Vegard Syrstad, Andreas Mastrup, Thomas Innstø e Rune Somdal, o grupo formado num subúrbio de Oslo, Noruega, em 1997, retirou seu nome da personagem principal da famosa série televisiva americana "Murder, She Wrote" (no Brasil: "Assassinato por Escrito"), a escritora de livros policiais e detetive amadora homônima, interpretada por Angela Lansbury. A banda lançou seu primeiro disco, "I Can Shoot You From Here", por conta própria, em 1998, chamando a atenção da gravadora Perfec Pop Records, que a contratou antes do encerramento do ano. O primeiro EP pela nova gravadora, "Sorry About The Noise!", saiu em 2000; em seguida, o baterista Lie deixou o grupo, amigavelmente, sendo substituído por Jan Henning Sørensen. O cartaz da Jessica Fletchers cresceu no final de 2000, ao ganhar uma "batalha de bandas" norueguesa, chamada Zoom; nos meses seguintes, excursionou pela Noruega (a turnê fazia parte do prêmio ganho na Zoom), e nesse período "Sorry About The Noise" tornou-se bastante popular nas rádios norueguesas.
O EP subsequente, "(Come On) It's Only Nine" (financiado, parcialmente, pelo dinheiro da vitória na Zoom), surgiu em 2002; Vegard Syrstad foi embora naquele verão e o tecladista Ivar ("Ravi") Chr. Johansen ingressou na banda. O primeiro disco longo, "What Happened To The?", veio à tona no ano seguinte, e o grupo então assinou com a gravadora nova-iorquina Rainbow Quartz. Johansen caiu fora nessa época, pretextando trabalhar como músico hip-hop. Por conseguinte, Innstø trouxe seu irmão Mats para integrar o lineup. A banda viajou intensamente no ano seguinte, realizando sua primeira grande turnê europeia e participando do festival SXSW de 2004. O terceiro álbum, "Less Sophistication", foi lançado na Noruega naquele outono. E o quarto, "You Spider", veio em 2007 (Margaret Reges, AllMusic; tradução livre do inglês).

3 comentários:

Indignaldo Silva disse...

Link

Jaimemellorock Mello disse...

Gostei muito, em especial do vocal e das melodias bem roqueiras! Abraço, Indignaldo.

Indignaldo Silva disse...

Eu achei a banda bem boa também, Jaime. Obrigado pelo comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...