quarta-feira, 19 de abril de 2017

Bushman's Revenge - Cowboy Music

Banda: Bushman's Revenge
Disco: Cowboy Music
Ano: 2007
Gênero: Free Jazz, Instrumental Rock, Jazz Rock, Hard Rock
Faixas:
1. Son Of A Bushman (2:39)
2. Bad Feng Shui (5:32)
3. Mary Ann All You Can (11:35)
4. Little Green Fingers (5:56)
5. Hymne (5:34)
6. Oslo På 123 (4:17)
7. Supersonic Macho Blues (5:14)
8. The Esoteric Appeal Makes It Worth A Beating (3:52)
9. Skoleslutt (3:54)
Músicas de autoria de Even Helte Hermansen.
Créditos:
Even Helte Hermansen: Guitar
Rune Nergaard: Double Bass
Gard Nilssen: Drums

Biografia:
A Bushman's Revenge é um power trio norueguês que funde, de forma homogênea, improvisações jazzísticas com o dinamismo do heavy metal e do rock progressivo. A banda foi fundada em 2003 pelo guitarrista Even Helte Hermansen, o baixista Rune Nergaard e o baterista Gard Nilssen.
Após construir um séquito de fanáticos admiradores locais, graças às suas apresentações em casas noturnas, e receber convites para participar de alguns festivais, o grupo lançou, em 2007, seu primeiro disco, "Cowboy Music", através da gravadora Jazzaway Records, pertencente ao saxofonista Jon Klette.
Em seguida a uma extensa turnê pela Europa ocidental e aparições em festivais de jazz, a banda assinou com a Rune Grammofon. Seu debute pela nova gravadora, "You Lost Me At Hello", em 2009, recebeu aclamação quase universal dos críticos. Em 2010, a banda soltou "Jitterbug", tendo, como convidado, o tecladista Stale Storløkken, e apresentando uma sonoridade mais roqueira, revelada inclusive com a inserção de "Damage", um cover da Metallica. Seguiram-se, em 2012, "A Little Bit Of Big Bonanza" e "Never Mind The Botox". O trio então excursionou pela Europa e Japão. "Electric Komle", gravado ao vivo, saiu em 2013, sucedido por "Thou Shalt Boogie", no começo de 2014, acompanhado de concertos na Europa, Ásia e Estados Unidos. Ao retornar à Europa, o grupo ingressou no circuito de festivais e elaborou novas canções. Essa atividade toda gerou dois discos simultâneos em 2016: "Jazz, Fritt Etter Hukommelsen", álbum de estúdio, que abre com uma releitura de "Contemplation", de McCoy Tyner, e "Bushman's Fire", gravado ao vivo e lançado apenas em vinil (Thom Jurek, AllMusic; tradução livre do inglês).

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...