domingo, 27 de abril de 2014

The Scruffs - Wanna' Meet The Scruffs? [Bonus Tracks]

Cover
Banda: The Scruffs
Disco: Wanna' Meet The Scruffs? [Bonus Tracks]
Gênero: Alternative Rock, Powerpop
Ano: 2002(*)
Faixas:
1. Break The Ice (Burns) 2:36
2. My Mind (Burns) 2:13
3. You're No Fun (Branyan, Burns) 2:31
4. Frozen Girls (Burns) 3:04
5. I've Got A Way (Branyan, Burns) 1:58
6. Tragedy (Burns) 2:11
7. This Thursday (Burns) 2:26
8. Revenge (Burns) 2:51
9. She Say Yea (Burns) 2:52
10. Tommy Gun (Burns) 3:52
11. Sad Cafe (Branyan, Burns) 2:33
12. I'm A Failure (Burns) 2:25
13. Bedtime Stories (Branyan, Burns) 3:56
14. She Say Yea [Single B-Side, 1977] [Bonus Track] (Burns) 2:52
15. Break The Ice [Single A-Side, 1977] [Bonus Track] (Burns) 2:34
Créditos:
Dave Branyan: Lead Guitars, Vocals
Zeph Paulson: Drums, Vocals
Rick Branyan: Bass Guitar, Piano, Vocals
Stephen Burns: Vocals, Guitars, Piano, Arp
(*) LP lançado originalmente em 1977.
Logo Design by FlamingText.com

Biografia:
Parecia nova-iorquina e soava inglesa, mas a Scruffs vinha do sul dos Estados Unidos (Memphis, Tennessee, para ser exato) e teve os seus quinze minutos de fama com o lançamento do seu único LP, "Wanna Meet The Scruffs?", de 1977 (nota minha: engana-se Dougan, pois, na verdade, a banda lançou vários discos; o curioso é que o próprio AllMusic lista vários álbuns da banda, contrariando o seu resenhista). Inspirada no som dos grupos Raspberries e Big Star (lendária banda de Memphis), que também seguiam o estilo powerpop, a Scruffs, apesar do seu nome engraçadinho, era uma poderosa banda de rock, que simplesmente se perdeu no meio de tantos outras menos talentosas, esnobes em seus terninhos.

2
O grupo conseguiu virar a cabeça de um influente crítico, o autoproclamado "Decano dos Críticos Americanos de Rock" (nota minha: no original, só consta "the dean himself", mas a Wikipedia confirma o longo título que o crítico se autoconcedeu), Bob Christgau, que, mediante a concessão de uma nota A (nota minha: o texto não esclarece, mas devia ser a nota máxima) para "Wanna Meet" no seu mensário Guia do Consumidor, afirmou que o disco "quebra as harmonias, abandona os clichês e produz uma energia impetuosa". Ele estava certo, mas isso não foi suficiente para evitar que a Scruffs desaparecesse da face da Terra (nota minha: outro engano de Dougan, decorrente do seu equívoco anterior, por acreditar que a banda lançou um álbum, tão-somente) (John Dougan, AllMusic; tradução livre do inglês).

5 comentários:

Musicômano disse...

A senha é melofilia, Luy.

Anônimo disse...

Thank you for this post. I'm really digging those Branyan brothers!

jes disse...

thanks for this album :)

Indignaldo Silva disse...

You're welcome.

Indignaldo Silva disse...

You're welcome.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...